sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Ambiguidade


Ambiguidade é vício de linguagem pelo qual uma frase é construída, involuntariamente, com mais de uma interpretação.  Dizemos involuntariamente porque, em um texto literário, o autor pode deliberadamente possibilitar mais de uma leitura a determinada frase, o que deixa de ser vício. O vício de linguagem ocorre    da má colocação das palavras na frase e deve ser evitado, pois compromete sua interpretação.  Veja:
Exemplo: " (...) os corpos do casal B serão exumados pela segunda vez nesta semana." (Folha de S.Paulo) 
Comentário: os corpos serão exumados pela segunda vez desde que foi iniciado o inquérito ou os corpos serão exumados duas vezes numa mesma semana, "nesta semana"? (Unicamp)

Exemplo: "O presidente americano (...) produziu um espetáculo cinematográfico em novembro passado na Arábia Saudita, onde comeu um peru fantasiado de marine no mesmo bandejão em que era servido aos soldados americanos." (Veja, 09/01/91) 
Comentário: Às vezes, quando um trecho é ambíguo, é o conhecimento que o leitor tem dos fatos que lhe permite fazer uma interpretação adequada do que lê. Um bom exemplo é o trecho acima, no qual há duas ambiguidades  uma decorrente da ordem das palavras e a outra, de uma elipse do sujeito. Como: 
"... onde comeu peru fantasiado de marine ..."
"... no mesmo bandejão em que era servido ..."
 Pode-se entender que o peru estivesse fantasiado de marine (fuzileiro naval), e não o presidente. Por outro lado, é possível entender que o presidente estivesse sendo servido aos soldados no bandejão, e não o peru.
O leitor deve levar em conta o fato de que o peru não estaria fantasiado de marine, nem o presidente poderia ser servido aos soldados americanos em um bandejão.

Correção: O presidente americano, fantasiado de marine, produziu um espetáculo cinematográfico em novembro passado na Arábia Saudita, quando comeu peru no mesmo bandejão de que se serviam os soldados americanos.

O que provoca a ambiguidade?
  • Má colocação do Adjunto Adverbial
Ex: Crianças que recebem leite materno freqüentemente são mais sadias.
As crianças são mais sadias porque recebem leite freqüentemente ou são freqüentemente mais sadias porque recebem leite?
Eliminando a ambiguidade: Crianças que recebem freqüentemente leite materno são mais sadias.
                                             Crianças que recebem leite materno são freqüentemente mais sadias.
  • Uso Incorreto do Pronome Relativo
Ex: Gabriela pegou o estojo vazio da aliança de diamantes que estava sobre a cama.
O que estava sobre a cama: o estojo vazio ou a aliança de diamantes? 

Eliminando a ambiguidade: Gabriela pegou o estojo vazio da aliança de diamantes a qual estava sobre a cama.
                                       Gabriela pegou o estojo vazio da aliança de diamantes o qual estava sobre a cama.
Observação: Neste exemplo, pelo fato de os substantivos estojo e aliança pertencerem a gêneros diferentes, resolveu-se o problema substituindo os substantivos por o qual/a qual. Se pertencessem ao mesmo gênero, haveria necessidade de uma reestruturação diferente.
  • Má Colocação de Pronomes, Termos, Orações ou Frases
Ex: Aquela velha senhora encontrou o garotinho em seu quarto. 
O garotinho estava no quarto dele ou da senhora?
Eliminando a ambiguidade  Aquela velha senhora encontrou o garotinho no quarto dela.
                                             Aquela velha senhora encontrou o garotinho no quarto dele. 
  • Ambiguidade lexical: decorre de significados alternativos de uma palavra ou expressão.
Ex: O cadáver foi encontrado perto do banco.
Banco:assento, mocho  ou banco: instituição cuja atividade consiste em receber depósitos de dinheiro e efetuar empréstimos, entre outras transações?
  • Devido à posição de certos complementos ou adjuntos.
Ex: Exigi o livro de Pedro.
O livro pertence a Pedro ou o livro está com Pedro e eu necessito dele?

Atividades
-Descubra a ambiguidade nas frases abaixo. Se precisar de ajuda, entre em contato conosco:
1- O investigador aconselhou o advogado a ficar em casa durante o fim de semana.
2- A comissão que estava analisando o caso ontem deu seu parecer.
3- Saindo do tribunal, vimos muitas pessoas ilustres.
4- O jogador comemorou o aniversário do amigo na sua casa.

Nenhum comentário:

Figuras de Linguagem IV